Muitas pessoas já possuem o Dom para ser empreendedor mas não é a maioria. Muitos aventureiros, muitas pessoas que perderam seu emprego e buscam abrir um negócio no desespero e isso é negativo, pois corrobora para o aumento da estatística dos que abrem por necessidade.

Inúmeros perigos existem para quem quer começar sem preparo. Fazem economia boba para não realizarem uma pesquisa de mercado, fator essencial para a sua existência, sem clientes não existe negócio. O despreparo evidencia o não uso e conhecimento do Plano de Negócios, a sua bússola direcional.

Você tem que acreditar no seu negócio, buscar sua auto realização, conquistar a sua independência financeira, buscar desenvolver ideias inovadoras para vencer a concorrência, enfim, ser seu chefe com infinita autonomia.

Faça uma reflexão: Você já teve o seu insite? Sonho? Ideia do que abrir? O que você está fazendo ou pensa em fazer para tornar realidade o seu sonho? Você vai precisar de uma rede de contatos para negociar e que sabe buscar um sócio. Estamos na Era da Informação, você irá precisar de dados. Decida. Se não sabe fazer um Plano de Negócios, procure as empresas juniores ou o Sebrae/MG. Se você não possui experiência no setor desejado, procure informações, dados, notícias, estatísticas, se prepare antes.

Não existe espaço para achismo, oportunidades existem a milhares, porém para pegá-las é preciso estar preparado. O fechamento de empresas comprovam o que eu estou dizendo. Apesar do ambiente negocial ser bastante inconstante, você de estar preparado através de estratégias, busque equalizar seus gastos com a sua potencial receita. Busque sempre ser minucioso nos detalhes de seu investimento, assim, seu risco será menor. Analise o retorno de seu investimento.

Aprender a aprender é fundamental, ninguém é o dono da verdade, por isso esteja sempre alerta aos sinais do mercado e das políticas do governo. O monitoramento de sua empresa poderá corrigir as anomalias que porventura possam ocorrer com o tempo de gestão. Utilize as ferramentas da administração, principalmente as que compõe o conceito de qualidade total. Você tem clientes e você é cliente deles, um troca justa. Procure ouvir o que eles querem e desejam e busque atender com qualidade. Seus clientes são propagandas vivas quando recebem um bom atendimento e veem um bom trabalho, eles são Reis.

Vi muita gente fracassar por questões de extrema vaidade e metideza. Posições contrárias aos ensinamentos da administração, como: Eu acredito na minha ideia e não preciso ouvir o cliente. O cliente é que tem que me ouvir. Não preciso ouvir outros empreendedores, suas experiências são deles e não minhas, outras opiniões somente irão me atrapalhar, prefiro o meu voo solo.

Não seja o sapo no buraco, converse com todos e tenha frequência, nada se cria tudo se copia, faça um benchmark se necessário, aprimore a sua capacitação. Ser empreendedor é ser corajoso, audaz, visionário, competente e decidido. Não se aventure, esteja sempre preparado e seja um vencedor.

Ser empreendedor é mais do que ser empresário, é um delta a mais, faz diferença no ambiente e o torna preferencial do mercado.

Eu sempre acredito em uma administração bem planejada, gosto de conviver com pessoas competentes, pois elas me ajudam a tomar decisões corretas, siga esse exemplo e colha os frutos objetivados.